• Dê 0,5% do seu IRS para dar a volta a isto!
  • Crise na Ucrânia | Apelo Humanitário
sexta-feira, 13 maio 2022 14:41

Operação Fátima prevê envolver mais de 180 voluntários da Cruz Vermelha

A Cruz Vermelha Portuguesa, após 2 anos de interrupção, volta a ativar a “Operação Fátima” com vista a garantir a segurança de todas as pessoas que se deslocam a Fátima neste período.

Nas últimas 3 semanas, as Estruturas Locais da Cruz Vermelha asseguraram 19 Postos de Socorros no percurso da peregrinação de Fátima a nível nacional, onde foram atendidas 227 pessoas com necessidade de apoio médico.

Mais precisamente, entre os dias 12 e 15 de maio, a Cruz Vermelha integra o dispositivo preventivo de Proteção Civil da Cidade de Fátima, com um Posto Médico Avançado e ambulâncias de socorro em permanência, 24h/dia, no Parque 10 e dois Postos de Socorros na Rotunda Norte e Rotunda Sul. Com o envolvimento direto de 180 Voluntários, garantindo o socorro médico de proximidade ao Santuário de Fátima.

 

Cruz Vermelha Portuguesa realiza teste piloto de software de registos clínicos da Federação Internacional da Cruz Vermelha e Crescente Vermelho

No âmbito do apoio médico realizado em Fátima, encontra-se em Portugal uma equipa de quatro peritos da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e Crescente Vermelho com vista ao primeiro teste real a nível mundial do novo sistema de registos clínicos para os hospitais de campanha do Movimento Internacional da Cruz Vermelha. Esta nova ferramenta permite a digitalização do processo clínico das atividades de saúde da Cruz Vermelha, nomeadamente em todas as suas intervenções em crises humanitárias, salvaguardando a qualidade e proteção de dados.

A Cruz Vermelha Portuguesa é, assim, pioneira na aplicação deste sistema, com possibilidade de registos clínicos completos dos utentes que passarem, ao longo destes dias, pelos seus postos.

 

PMA P10 FT 2


Partilhar
Powered by jms multisite for joomla