• Dê 0,5% do seu IRS para dar a volta a isto!
  • Crise na Ucrânia | Apelo Humanitário

Voluntariado

Voluntariado na Cruz Vermelha é uma atividade que tem por objetivo ajudar as pessoas vulneráveis ou as suas comunidades locais.

É motivada pela livre vontade da pessoa, e não pelo desejo de ganhos materiais, financeiros ou por uma pressão externa de tipo social, político ou económico.

É  organizada pelos representantes reconhecidos de uma Sociedade Nacional.

Os voluntários trazem novas competências, novas ideias, boa energia, entusiasmo, disponibilidade e motivação ao trabalho local da Cruz Vermelha.

Perfil do Voluntário

São sete os princípios básicos nos quais assenta o perfil do voluntário da Cruz Vermelha:

  • Participativo - concretizado através das diferentes atividades e nos órgãos próprios da Instituição.
  • Comprometido com todos, em especial com os mais vulneráveis.
  • Capacitado/Formado - o voluntário deve ter uma formação específica para a atividade que desenvolve.
  • Motivado - fundamental para a continuidade do Voluntariado, supõe uma especial atenção às expectativas e necessidades do voluntário, bem como um acompanhamento da sua ação.
  • Disponível para as tarefas que se propõe, bem como no tempo dado à formação e participação.
  • Polivalente - a participação deve ser diversificada a nível do campo de ação, rentabilizando ao máximo os recursos.
  • Cooperativo - ser capaz de trabalhar em equipa é fundamental para o desenvolvimento dos objetivos a que se propõe a Instituição.

Direitos e Deveres dos Voluntários

Direitos

  • Ser  informado sobre os Princípios Fundamentais da Cruz Vermelha, o Código de Ética, a filosofia do Voluntariado Cruz Vermelha/Crescente Vermelho.
  • Conhecer os objetivos, estrutura e funcionamento da Instituição.
  • Receber informação sobre os objetivos, duração e lugar da atividade que vai realizar.
  • Receber formação inicial e contínua.
  • Aceder a uma tarefa específica e bem definida.
  • Realizar a ação voluntária de acordo com as suas capacidades, aptidões e interesses.
  • Respeitar o compromisso estabelecido com a Cruz Vermelha.
  • Ser reconhecido pelo trabalho que desenvolve com acreditação e certificação.
  • Participar nas decisões que dizem respeito ao seu trabalho.
  • Integrar uma apólice de seguros de acidentes pessoais.

Deveres

  • Agir de acordo com os Princípios Fundamentais do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e promover a sua difusão.
  • Familiarizar-se com o Código de Ética, os Princípios Fundamentais, a filosofia do Voluntariado Cruz Vermelha/Crescente Vermelho, as quatro Convenções de Genebra e os seus Protocolos Adicionais.
  • Em caso de dúvida sobre a posição da Cruz Vermelha ou Crescente Vermelho, pedir um conselho, antes de agir, à sua Sociedade Nacional.
  • Reconhecer e respeitar os direitos consignados nos Estatutos e Regulamentos da Instituição.
  • Desempenhar as missões sem qualquer discriminação quanto à nacionalidade, raça, sexo, opiniões políticas ou crenças religiosas.
  • Respeitar as regras relativas ao uso do emblema e impedir o seu abuso.
  • Preparar-se para as atividades e funções que lhe são confiadas.
  • Empenhar-se em oferecer um serviço da melhor qualidade possível.
  • Respeitar a dignidade individual.
  • Respeitar o desejo de discrição daqueles a quem presta apoio.
  • Promover a compreensão mútua.
  • Responder às necessidades de outrem com humanidade e empatia.
  • Promover um bom funcionamento em equipa.
  • Ser capaz de transmitir a informação recebida ou o conhecimento adquirido, e avaliar o trabalho desenvolvido.
  • Participar ativamente na Instituição conforme estipulado nos seus Estatutos e Regulamentos.

Ações de Voluntariado que se pode integrar:

  • Campanhas de Recolha de Alimentos, em supermercados e outros estabelecimentos.
  • Campanha de Recolha de Bens Essenciais ao bebé, em supermercados e outros estabelecimentos.
  • Campanha de Recolha do Brinquedo
  • Recolha de Material Escolar.
  • Recolha de Tampinhas
  • Triagem/acondicionamento de donativos (vestuário, calçado, brinquedos, tampinhas e jornais, etc.).
  • Organização e limpeza dos equipamentos do Banco de Ajudas Técnicas (cadeiras de rodas, canadianas, camas articuladas, etc.).
  • Colaboração em Rastreios de Saúde (podologia, visão, etc.).
  • Atividades de recuperação e manutenção de espaços habitacionais ou outros (ex.: pintura de uma casa ou compartimento, transporte de donativos, restaurar mobília).
  • Integração nas equipas de visitas de apoio domiciliário – Projeto ASDI.
  • Acompanhamento de utentes a tratamentos médicos.

jpgFicha de inscrição de voluntário


Partilhar
Powered by jms multisite for joomla